domingo, junho 03, 2007

A verdade, no fundo, no fundo, é muito subjectiva

Estava eu hoje na boa disposição para falar de três assuntos que me têm dado volta ao miolo nos últimos dias: os acórdãos do Supremo Tribunal de Justiça, vd. a verdade é menos importante do que o bom nome das instituições, o caso de pedofilia e um outro que agora me escapa, o buraco detectado pelo Tribunal de Contas, é só 1% garante o ministro (700 milhões de euros) e o novo simplex das vendas do estado, é para garantir eficiência, assegura o homónimo do cicutado.
Dizia eu que estava na boa disposição, mas, e em tudo há um porém, comecei a reflectir e decidi que o que tinha a fazer era: quando, por puro acaso, praticasse um crime devia desculpar-me com o meu bom nome que já leva um bom carro de anos; quando assaltasse qualquer entidade garantia-me que só roubasse 1%, e. g., essa quantia da fortuna do Bill Gates e quero um simplex para a marcação, em 24 horas, da escritura do estacionamento que projecto vender.
Tendo em atenção que todos estes quesitos sejam preenchidos, quem sou eu para questionar as altas figuras dos altos dirigentes que governam a nossa cada vez mais rasteira nação!
Com tudo isto ainda fica de fora a questão das vagas para professores titulares e os erros tolerados nos exames, estes denunciados, em particular, pelo nosso confrade Alexandre (ó senhora. ministra faça-nos lá o favor de arranjar qualquer coisa para podermos dizer bem de si) e, por último, a forma de irrigarmos, com água do Tejo é bem claro, o deserto da margem sul.

6 Comments:

Blogger Alexandre Dias Pinto said...

Xor Z: não me retire a autoria do post sobre "os erros tolerados nos exames". Fui eu quem falou na despenalização da interrupção voluntária da correcção das provas de 1º e 2º ciclos.
Espero que esteja tudo bem consigo, Z.
Um abraço.

12:42 da manhã  
Blogger  said...

Parabéns pelo blog!
Excelente conteúdo!
Visitem também:

http://aguia-de-ouro.blogspot.com

Futebol e política num só!
Obrigado!

1:34 da manhã  
Blogger Xor Z said...

É pá Alexandre pois é. Fui confundido pelo tamanho da letra que na minha opinião era usada só pelo Raimundo. As minhas desculpas. Daqui a instantes vou remendar o erro.

8:58 da tarde  
Blogger Papoila said...

Cuidado com a agulha escolhida para remendar o erro...o buraco pode ficar maio :)

2:17 da tarde  
Blogger Xor Z said...

Cara Papoila, não percebo onde quer chegar, talvez a dificuldade seja minha.

12:08 da manhã  
Blogger edelweiss said...

Acho que é: o buraco pode ficar MAIOR. Estive a ver o remendo, parece-me que ficou bem. Usou dedal? Tem razão quando argumenta que foi enganado pelo tamanho da letra, parece que a moda da letra para miopes pegou aí para esses lados...

3:39 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home