sábado, outubro 06, 2007

Sobre o filme 'Control' e os Joy Division

Estreou ontem no Reino Unido o filme 'Control'. Trata-se de uma biografia fílmica de Ian Curtis, o vocalista da mítica manda Joy Division (biografia com alguma liberdade imaginativa, já se sabe). Os Joy Division foram uma banda que me acompanhou no final da minha adolescência. Como não lia muito e não conhecia muita literatura, era nas "letras" das músicas desta e de outras bandas que ia procurar respostas para a minha juventude inquieta, insatisfeita e sedenta de "algo mais".
Não sei quando a película chega cá; mas não escondo a minha curiosidade. Provavelmente, ficarei decepcionado, mas...
Afixo aqui esta versão "soft" do emblemático "Love will tear us apart", que me parece resultar muito bem (desconheço o músico que a interpreta).

1 Comments:

Blogger Xor Z said...

Bem, Alexandre, é desta, pois não é a primeira vez que refere os JD, que vai um comentário sobre a ala do prazer dos campos de concentração nazis, não nos esqueçamos: o trabalho liberta. No meu caso, já ia um pouco mais entradito nos anos, mas o fascínio por Ian Curtis e os JD deverá ter sido igual. Quando tiver ocasião vou ver o filme, porém, não morri de amores por esta versão porque uma das coisas que me agradava no som deles, para além das letras que você já referiu, era o som "cheio" (vai este adjectivo à falta de outro melhor) da sua música.

10:46 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home