domingo, dezembro 02, 2007

Língua e cidadania (I)

O número 21 da revista online Proformar é dedicada ao Português ensinado como língua não materna (ver). Esta é uma área que me tem interessado mais na sua vertente cívica do que na perspectiva linguística ou didáctica.
A perspectiva cívica reside em acreditar na importância do Português Língua Não Materna porque é fundamental que um cidadão imigrante domine o idioma português para se integrar na nossa comunidade e para exercer a cidadania de forma satisfatória. É que, como defendo no artigo que escrevi para este número da Proformar, se a língua é um factor fundamental para a integração social, ela pode ser também um factor de discriminação - um cidadão imigrante que não a dominar, verá diariamente os seus direitos serem agredidos ou diminuídos. Bom, mas aí a culpa é da estupidez humana e não da própria língua.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Hey,

My name is Charles Walker. I'M THE CREATOR OF THE SLOGAN AND THE COLLECTION OG GARB "WE DONT PLAY POLO". Please tell me when did you first hear of the "We Dont Play Polo" clothing label.

YOUR COMMENTS WERE VERY INTERESTING. I SAW THE POST FROM DEC 07. I CAN BE REACHED AT CHAMPWALKER@NEXTEL.BLACKBERRY,COM OR REFERSOMEONE@YAHOO.COM.

THANKS A MILLION

10:26 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home