quinta-feira, abril 10, 2008

"Coimbra, 10 de Abril de 1989"

« Cinco enfermeiras austríacas assassinaram cinquenta doentes num hospital de idosos. Depois dos campos de extermínio, nada é de estranhar neste mundo sem alma. Deus morreu realmente na consciência humana. Agora, quando temos pelos no coração, nenhum código penal nos detém. Vamos até aos confins da nossa animalidade. »


Miguel Torga, Diário, vol. XV.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home